Página InicialLogin
Um Breve Histórico
As Sessões
Biodanza & Educação
Biodanza nas Organizações
Eventos
Espaço Biocêntrico
A Facilitadora
Contato
Biodanza & Educação

 

 

      Para falar sobre Biodanza e Educação apresentamos uma teoria pedagógica que abarca novos paradigmas da educação moderna: Educação Biocêntrica.

Antes de discorrermos sobre essa nova pedagogia julga-se oportuno reportar

ao conceito de Educação, citado por Carlos Rodrigues Brandão (1991):

[ ] Educação do latim “educere”, que significa extrair, tirar, desenvolver....

É atividade criadora, que visa levar o ser humano a realizar suas

potencialidades físicas, morais, espirituais e intelectuais...

      Sem dúvida, a presente definição traz, no seu bojo, proposta de grande valor, mas, para o contexto atual, surge uma nova possibilidade de agregar valor à mesma, para aprendizagem mais ampla e mais adequada às necessidades dos estudantes e ao chamamento da própria vida. Surgem novos desafios que, para o seu enfrentamento, requerem a busca de novas soluções para o desenvolvimento do ser humano integral. Como nas palavras de Maria Candida Moraes (2001) “Uma proposta que traga a percepção de mundo holística, global e sistêmica ...”.

Assim surge a Educação Biocêntrica, termo criado por Rolando Toro Araneda, que assim a explica:

[ ] A Educação Biocêntrica parte de um novo paradigma das Ciências Humanas, que é o Princípio Biocêntrico. Estimula os potenciais genéticos que constituem a estrutura básica da identidade. Não se desqualifica os componentes intelectual ou tecnológico. Toda a sua metodologia deve orientar-se para a conexão com a vida.

A tal respeito, Ruth Cavalcante (1999), Psicopedagoga e autora do livro “Educação Biocêntrica – Um Movimento de Construção Dialógica”, assim se manifesta:

[ ] Estamos todos empenhados em um repensar da Educação que ajude as pessoas a aprender a viver e conviver, tendo como ponto de partida o respeito à vida e a convivência amorosa, e como método, o enfoque reflexivo e vivencial na prática pedagógica, onde aprendemos não apenas pelo cognitivo, o intelecto, mas também através das emoções,  dos sentimentos, das sensações, da intuição”.

[ ] A educação Biocêntrica é uma nova concepção da Educação, que propõe organizar todas as atividades escolares em torno da vida” Toro, Rolando. apud Educação Biocêntrica, p 04

 
A Educação Bicêntrica é uma teoria pedagógica que tem como centro a vida. Nesse sentido, o elemento mais precioso dessa nova pedagogia está em colaborar para que as pessoas criem e desenvolvam suas próprias “pautas internas para viver”. (Toro, 2002)
 
A prioridade nessa pedagogia está no desenvolvimento de uma inteligência afetiva integrada a formação cognitiva ou técnica e estimular os potenciais genéticos.
Destacamos oito pontos fundamentais para uma pedagogia biocêntrica:

1.Cultivar a Afetividade para superar toda discriminação social, racial, sexual e religiosa.
2.Tomar contato com a própria Identidade, a fim de educar pessoas para vencerem desafios frentes às dificuldades, terem coragem para defender seus pontos de vista e se conectarem com a própria força.
3.Cultivar a expressividade e a comunicação para manifesto das emoções através da dança e do diálogo; desenvolver a criatividade artística e a expressão verbal, oratória e recitação.
4.Desenvolver a sensibilidade sinestésica como um conjunto geral de percepções e sensações interconectadas por processos sensoriais, e a sensibilidade cinestésica, que remete a percepção do próprio corpo, do movimento e destreza motora.
5.Aquisição do conhecimento através de uma aprendizagem vivencial.
6.Integrar com a Natureza para desenvolver a Consciência Ecológica e Sustentável.
7.Desenvolver e ampliar a percepção de si e do mundo.
8.Expansão da Consciência Ética.

A educação Biocêntrica é uma “fonte inspiradora”. Semear essa idéia é gerar uma nova pauta em educação no Brasil e no mundo. É gestar alunos e alunas numa aprendizagem de qualidade. É, verdadeiramente, assumir uma educação vislumbrada pelos grandes educadores da história. É ousar! Romper com velhos paradigmas e adotar os pressupostos da integralidade na educação, onde a pessoa é o todo e vista numa dimensão holística. O educando passa do Ser Cognitivo para o Ser Cognoscente.

Este ser cognoscente é capaz de aprender e com sua aprendizagem, pode se tornar um conhecedor de si mesmo, da sociedade e das relações que se dão no seu interior; da sua e das outras culturas; do ambiente no qual habita a biodiversidade e do universo no qual este ambiente (planeta) está mergulhado.

A Educação Biocêntrica está na contramão de uma educação excludente e predatória que ainda hoje prevalece. Implementá-la é assegurar que a escola cumpra com o seu principal objetivo que é formar o cidadão e a cidadã para o exercício da cidadania plena.

Clique para saber mais a respeito de nossos cursos, palestras e workshops.